Autor de dossiês que causaram alerta nos EUA está preso

Um dos suspeitos de terrorismo presos na Grã-Bretanha seria um importante agente da Al-Qaeda, autor dos dossiês sobre possíveis alvos de atentados que levaram aos alertas de terrorismo emitidos nos EUA nesta semana. O governo do Paquistão forneceu informações ao Reino Unido que sugerem que a Al-Qaeda planejou um ataque ao aeroporto Heathrow, em Londres. Autoridades paquistanesas disseram à Associated Press terem encontrados imagens de Heathrow e de outros locais nos computadores de dois membros da rede terrorista, presos no mês passado. Uma autoridade britânica disse que há ligação entre as prisões no Paquistão e a detenção de 12 suspeitos no Reino Unido, na terça-feira.Entre os 12 presos está o homem conhecido como Abu Eisa al-Hindi ou Abu Musa al-Hindi, que estaria envolvido no plano contra o aeroporto inglês. Al-Hindi ainda é suspeito de ter escrito os dossiês sobre a estrutura e a segurança de cinco prédios americanos citados como alvos prováveis da Al-Qaeda, e que se encontram sob alerta de terrorismo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.