Autoridades controlam confrontos em Karachi

Autoridades paquistaneses retomaram ontem o controle de Karachi, a maior cidade do país, após uma onda de confrontos étnicos que matou ao menos 93 pessoas em cinco dias. Os episódios ocorreram poucos dias depois de o partido político mais poderoso da cidade, o Movimento Muttahida Qaumi, anunciar sua saída da coalizão de governo federal para aliar-se à oposição. Segundo o Comissão de Direitos Humanos do Paquistão, 1.138 pessoas foram assassinadas em Karachi nos primeiros seis meses do ano.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.