Autoridades do Iraque pedem asilo aos EUA

O vice-embaixador do Iraque junto às Nações Unidas, Mohammed al-Humaimidi, e o também diplomata iraquiano Hesan al-Rubaie pediram asilo político aos Estados Unidos, segundo fontes diplomáticas e da polícia de Nova York.O governo dos EUA não confirmou a informação. Al-Humaimidi e Al-Rubaie estavam entre os diplomatas iraquianos que deveriam voltar a seu país neste mês.De acordo com a polícia de Nova York, o vice-embaixador iraquiano teria entrado em uma delegacia na última sexta-feira e pedido asilo político depois de se identificar. A polícia imediatamente remeteu o caso às autoridades federais.Al-Rubaie, que seria o número 4 na hierarquia da representação iraquiana junto à ONU, teria desaparecido há duas semanas, de acordo com as fontes.Questionado a respeito pela Associated Press, o embaixador do Iraque na ONU, Mohammed al-Douri, confirmou que três ou quatro integrantes da representação de seu país deveriam regressar ao Iraque.Al-Douri afirmou não saber se algum deles pediu asilo político aos EUA. "Se alguém quer ficar, o que nós podemos fazer?", perguntou o embaixador aos repórteres.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.