Autoridades realizam simulação de atentado em Paris

Policiais, bombeiros e agentes de resgate realizaram uma simulação de salvamento no metrô de Paris como forma de preparação para eventuais atos extremistas contra a França. Mais de 200 pessoas participaram do exercício, que consistiu em uma explosão simulada na estação de metrô de Place d´Italie. "Na verdade não existe nenhuma ameaça precisa, mas creio que todos na Europa devem estar preparados", disse à imprensa o ministro francês de Interior, Dominique de Villepin. "Não podemos simplesmente pensar que os riscos não existem. Portanto, devemos estar preparados para enfrentar qualquer tipo de situação." O exercício deveria ter ocorrido dois meses atrás, mas foi adiado para evitar vínculos com os atentados de 11 de março contra o sistema ferroviário de Madri. As explosões deixaram 191 mortos na capital espanhola. O metrô parisiense transporta diariamente cerca de 3,5 milhões de passageiros.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.