Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90
Divulgação
Divulgação

Autoridades russas são presenteadas com livro de tiradas de Putin

O volume, intitulado 'As Palavras que Estão Mudando o Mundo', é a expressão mais recente de admiração de fãs que veem o líder como o salvador da Rússia moderna

O Estado de S. Paulo

29 de dezembro de 2015 | 08h00

MOSCOU - Algumas das tiradas mais ácidas do presidente russo, Vladimir Putin, foram reunidas por seus apoiadores em um livro, e cópias foram enviadas ao Kremlin, promovido como o presente de fim de ano ideal para autoridades patrióticas.

O volume, intitulado "As Palavras que Estão Mudando o Mundo", é a expressão mais recente de admiração de fãs que veem o líder como o salvador da Rússia moderna, e irá se juntar a uma série de produtos inspirados em Putin – de perfumes a vodka.

"Começamos a notar que tudo que Putin diz acontece em maior ou menor grau", disse Anton Volodin, autor do livro de 400 páginas publicado por um grupo pró-Kremlin chamado Rede, em comunicado. "Neste livro, rastreamos suas palavras e confirmamos essa ideia."

Entre as citações memoráveis selecionadas está a ameaça do ex-agente da KGB de "acabar" com os militantes chechenos na "latrina", sua polêmica afirmação de que a península outrora ucraniana da Crimeia sempre foi e continua sendo uma parte "inseparável" da Rússia e uma esnobação grotesca da Letônia – Putin disse que o país só poderia esperar receber "as orelhas de um asno morto" de Moscou, uma expressão russa que significa "nada".

A linguagem grosseira de caserna é parte do arsenal retórico de Putin, e o ajuda a enviar sinais à elite da segurança estatal da qual ele mesmo provém.

Em uma tirada muito recente para entrar no livro, o mandatário russo recorreu a seu estilo particular neste mês para insinuar que a liderança política turca pode ter "decidido lamber os americanos naquele lugar em especial" por derrubar um caça russo.

Outras frases se concentram no patriotismo de Putin. "Para mim, a Rússia é minha vida toda", diz. Outras desqualificam a democracia de estilo ocidental e o casamento gay. / REUTERS

Tudo o que sabemos sobre:
RússiaVladimir Putin

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.