Autoridades voltam a ampliar o toque de recolher no Egito

A partir desta segunda, medida começará às 15h do horário local e vai até as 8h do dia seguinte

Efe

30 de janeiro de 2011 | 19h01

   

CAIRO - Autoridades do Egito decidiram ampliar novamente o toque de recolher em vigor nas cidades do Cairo, Alexandria e Suez. A partir desta segunda-feira, 31, ele começará às 15h do horário local (11h de Brasília) e vai até as 8h do dia seguinte (4h de Brasília), informou neste domingo, 30, a televisão pública do país.

Veja também:

linkOposição egípcia cria comitê para negociar com militares

O toque de recolher foi imposto desde a última sexta-feira, a partir das 18h até as 7h do horário local. No sábado, começou às 16h e, a partir desta segunda, será iniciada uma hora antes e terminará uma hora depois.

O anúncio da televisão não indica que se tenha decidido estender o toque de recolher a outras partes do Egito. Levando em conta a nova modificação, a partir desta segunda só haverá sete horas diárias em que os habitantes dessas cidades poderão se mobilizar livremente. Nas 17 restantes, terão de ficar em casa.

Apesar das disposições, o toque de recolher continua desafiado pelos participantes de manifestações, que diariamente saem às ruas para pressionar o regime de Hosni Mubarak, presidente no poder desde 1981.

Tudo o que sabemos sobre:
EgitoMubaraktoque de recolher

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.