AFP PHOTO / ASIF HASSAN
AFP PHOTO / ASIF HASSAN

Deslizamento de rochas mata 13 pessoas em Karachi, no Paquistão

Pelo menos duas casas foram atingidas na comunidade de Gulistan-i-Jaouhar durante a madrugada; 7 pessoas estão desaparecidas

O Estado de S. Paulo

13 Outubro 2015 | 12h49

ISLAMABAD - Pelo menos 13 pessoas morreram - entre elas 7 crianças - durante um deslizamento de pedras e terra ocorrido nesta terça-feira, 13, em uma comunidade carente na cidade de Karachi, no sul do Paquistão, informou uma fonte oficial.

O acidente ocorreu durante a madrugada, no horário local, na comunidade de Gulistan-i-Jaouhar, em Karachi, quando rochas de vários tamanhos misturadas com terra e lama atingiram duas casas, explicou o chefe do governo da cidade, Shoaib Siddiqui.

"Recuperamos sete corpos, enquanto os corpos de mais seis pessoas permanecem sob os escombros", afirmou o chefe do governo de Karachi, que esclareceu que outras dez pessoas ficaram feridas durante a avalanche. Os trabalhos de resgate com maquinaria pesada continuam, segundo a fonte.

Siddiqui assinalou que as construções situadas na comunidade, que fica embaixo de uma encosta em frente à Universidade de Karachi, são "ilegais".

"A administração da cidade tentou muitas vezes remover os moradores desta área, mas sempre se deparou com a resistência deles", assegurou o chefe do governo de Karachi, a cidade mais populosa do Paquistão e motor econômico do país asiático. / EFE

Mais conteúdo sobre:
PaquistãodeslizamentoKarachi

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.