Avalanche em Mont Blanc deixa 8 desaparecidos

Uma avalanche em uma montanha da cordilheira de Mont Blanc, o pico mais alto da Europa Ocidental, nos alpes franceses, deixou ontem oito alpinistas desaparecidos e sete feridos. A avalanche começou por volta das 3 horas locais (22 horas de sábado, em Brasília), quando um bloco de gelo do tamanho de dois campos de futebol despencou de uma altitude de 3,6 mil metros sobre uma trilha de alpinismo. "Não há chances de encontrar sobreviventes", disse a ministra do Interior da França, Michele Alliot-Marie. O incidente deve se tornar o mais mortífero deste ano nos Alpes franceses, suíços ou italianos, e o pior na França em mais de uma década, disseram autoridades do país. Entre as vítimas prováveis, estão cinco austríacos e três suíços. "Nós só tivemos tempo de nos mover para a direita antes de sermos atingidos. Tivemos muita sorte", disse o francês Nicolas Duquesne, um dos sobreviventes, que quebrou um tornozelo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.