Avalanche no Alasca mata presidente de petrolífera

A polícia do Estado do Alasca, nos Estados Unidos, afirmou que uma avalanche arrastou e matou Jim Bowles, presidente da gigante petrolífera ConocoPhillips Alaska. Bowles estava em um grupo com uma dúzia de trenós motorizados na região de Grandview, próxima a Seward, na península de Kenai. Um deslize de neve no sábado arrastou dois dos veículos, entre eles o de Bowles.

AE, Agencia Estado

14 de fevereiro de 2010 | 10h01

A patrulha local afirmou que o corpo do executivo foi resgatado antes do anoitecer, de acordo com o jornal Anchorage Daily News. O piloto Alan Gage também foi soterrado, mas as equipes de resgate não o localizaram ontem.

A polícia de Anchorage informou que outra avalanche ocorreu no fim do dia, próxima à capital, e matou um esquiador. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
acidenteavalanche

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.