Avião americano cai no Japão, e piloto se salva

Um avião militar americano caiu hoje no mar ao leste da província de Okinawa, no sul do arquipélago japonês. O piloto do F-15 Eagle conseguiu saltar antes do impacto, informaram fontes militares.Segundo um comunicado emitido pela base militar de Kadena, o avião de combate pertencia ao esquadrão 44, e o acidente ocorreu às 10h (23h00 desta segunda-feira, no horário de Brasília). O piloto foi achado por um esquadrão de resgate atribuído à base de Kadena e passa bem. A causa do acidente não foi determinada.Segundo a televisão estatal japonesa NHK, a queda do avião aconteceu perto da ilha de Ikejima, no arquipélago de Okinawa, e uma mancha de óleo podia ser vista no mar. Na região está concentrada a maior parte dos quase 45 mil soldados americanos que estão no Japão.Os acidentes e os incidentes protagonizados por soldados dos EUA no país esticam esporadicamente as relações entre o comando das forças americanas estacionadas no arquipélago e as autoridades japonesas.Na semana passada os EUA entregaram à polícia japonesa um marinheiro americano suspeito de assassinar uma mulher japonesa para roubá-la em Yokosuka, ao sul de Tóquio.Após ser detido, William Reese, de 21 anos, admitiu às autoridades locais que matou Yoshie Sato, de 56 anos. De acordo com a autópsia, a mulher morreu pela ruptura de órgãos internos em conseqüência dos golpes que recebeu.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.