Avião cai na Venezuela e mata 24 pessoas

Um avião que transportava 24 pessoas - entre elas 20 turistas estrangeiros - caiu ontem à noite na região ao sul da Venezuela matando todos os ocupantes, além de ferir pessoas em terra, segundo um porta-voz da companhia aérea. O avião DC-3 da empresa Rutaca sofreu um acidente às 18h15, horário local (20h15, horário de Brasília), próximo de Ciudad Bolívar, 600 quilômetros da capital Caracas, de acordo com informações do piloto da mesma empresa Victor Arauja. ?Não houve sobreviventes?, declarou.Ele disse ainda que o motivo do acidente não era conhecido. Entre os passageiros estavam seis norte-americanos, cinco holandeses, cinco italianos, dois húngaros e o restante venezuelanos, segundo lista divulgada por uma emissora de TV da Venezuela. O acidente ocorreu durante o vôo que saiu de Canaina, no sul do estado de Bolívar, e seguia para a Ilha Margarida, no mar de Caribe. O avião caiu na região povoada de Viejo Peru, ferindo, segundo as primeiras versões, dois meninos em terra. Hernán Guevara, diretor do aeroporto em Ciudad Bolívar, disse que o avião havia aterrissado no local para reabastecer pouco antes do acidente. Após a queda, o Corpo de Bombeiros foi acionado para apagar um incêndio no local do acidente. Rutaca é uma empresa de transportes de carga e passageiros com sede em Ciudad Bolívar. O governador do estado de Bolívar, Antonio Rojas, informou que os bombeiros estão tendo dificuldades para resgatar os corpos e pediu cooperação de outras autoridades.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.