Avião com mais de cem pessoas cai na Nigéria

Um Boeing 727 da companhia nigeriana ADC (Aviation Development Company) caiu neste domingo pouco depois de decolar do aeroporto internacional de Abuja, capital do país, segundo fontes oficiais. A queda pode ter sido causada por uma tempestade.O avião levava 104 passageiros mais a tripulação, segundo informações do chefe do controle aéreo Rowland Iyayi. Segundo a televisão estatal do país, ao menos seis pessoas sobreviveram.As fontes da Autoridade Federal de Aeroportos da Nigéria afirmaram que o avião ia para Sokoto, região norte do país. Os porta-vozes oficiais disseram que equipes de resgate trabalham no local do acidente.O líder muçulmano na Nigéria, Muhammadu Maccido, estava a bordo do avião que caiu neste domingo, segundo informações de Mustapha Shehu, porta-voz do governo de Sokoto. Shehu afirmou que o filho de Maccido, o senador Muhammed Maccido também estava a bordo. Abdulrahman Shehu Shagari, filho do ex-presidente nigeriano Shehu Shagari, no poder de 1979 a 1983, também estava na aeronave.O presidente do país Olusegun Obasanjo ordenou uma investigação imediata sobre as causas do acidente, segundo afirmou o porta-voz da presidência Remi Oyo. "O presidente está profundamente chocado e dá suas condolências às famílias das pessoas que estavam a bordo".Em 2005, mais de duzentas pessoas morreram na Nigéria emvários acidentes aéreos registrados no país, o que obrigou àsautoridades a reforçar as medidas de segurança.Em 1996, os 142 passageiros e tripulantes de um Being 727 da companhia ADC morreram quando o avião caiu após decolar da cidade de Port Harcourt com destino a Lagos, o principal centro comercial do país.Esta matéria foi alterada às 12h04 para acréscimo de informações.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.