Avião da FAB leva alimentos e remédios para o Haiti

Um avião da Força Aérea Brasileira (FAB) decolou neste sábado do Rio de Janeiro levando alimentos e remédios para o Haiti. As doações foram feitas por três empresas e vão ajudar as pessoas que ainda sofrem de fome e sede depois da passagem da tempestade tropical Jeanne, no domingo passado.Os alimentos atenderão cerca de 1,6 mil pessoas e os remédios, outras 20 mil durante um mês.O sub-chefe executivo do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República, general Wellington Fonseca, informou que "Campinas está doando 20 mil sacos de carne moída industrializada, isso dá um total de 6.030 quilos; São Paulo doou 10 mil pacotes de biscoitos variados, o que dá um total de 2 mil quilos; e Curitiba doou barras de cereais, no total de 3.800 quilos".Desta vez, nenhum soldado seguiu no avião. De acordo com o general, tropas uruguaias, chilenas e argentinas ainda estão no Haiti, além de 1,2 mil brasileiros que reforçam a segurança naquele país. Mesmo assim, segundo o general Wellington Fonseca, há muita dificuldade para a ação das tropas, devido à falta de material de apoio, como viaturas e equipamentos de segurança.As Forças Armadas estão recolhendo agasalhos em seis cidades brasileiras: Brasília, Belo Horizonte, Curitiba, São Paulo, Porto Alegre e Rio de Janeiro. Para doar casacos e cobertores, basta procurar algum quartel do Exército, da Marinha ou da Aeronáutica.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.