Avião de JAL retorna ao aeroporto após detecção de incêndio em assento

Aeronave, que fazia rota entre Tóquio e Sydney, voltou ao aeroporto de Narita pouco depois da decolagem

Efe,

15 de janeiro de 2012 | 08h39

 Um avião com 260 passageiros a bordo da Japan Airlines (JAL), que fazia a rota entre Tóquio e Sydney, teve de retornar ao aeroporto de Narita pouco depois da decolagem pela detecção de um pequeno incêndio em um assento, informou neste domingo a agência local "Kyodo".

O voo, que partiu do aeroporto internacional de Narita, nos arredores de Tóquio, às 20h20 de sábado alterou a trajetória depois que a equipe detectasse incêndio em um dos assentos de classe business da aeronave, um Boeing 777.

Sobre o assento acidentado a equipe de comissários encontrou um isqueiro, entretanto, o dono do objeto não foi identificado. Ninguém ficou ferido.

De volta ao aeroporto em Tóquio, a companhia cancelou o voo e os passageiros foram obrigados a passar a noite na capital japonesa.

Tudo o que sabemos sobre:
aviãoincêndioJAL

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.