Avião em que Hollande viajava é atingido por raio e volta a Paris

Novo presidente Francês iria se reunir com a chanceler alemã, Angela Merkel

15 Maio 2012 | 13h30

Texto atualizado às 15h10

PARIS - O avião no qual o presidente francês, François Hollande, viajava nesta terça-feira rumo a Berlim para se reunir com a chanceler alemã, Angela Merkel, teve que retornar a Paris após ser alcançado por um raio em pleno voo, confirmou a Efe um porta-voz do Ministério da Defesa.

A aeronave, um Falcon da Presidência francesa, aterrissou no aeroporto em que havia decolado minutos antes e Hollande embarcou para a capital alemã em outro avião, acrescentou o porta-voz.

O incidente não teve consequências graves, mas atrasará o encontro entre Hollande e Merkel, o primeiro compromisso internacional do presidente francês após assumir o cargo nesta manhã.

O porta-voz informou ainda que o avião foi atingido por um raio quatro minutos depois da decolagem do aeroporto de Villacoublay, nos arredores de Paris. Dessa forma o comandante decidiu retornar para proceder as verificações técnicas.

"A princípio não parece que o avião tenha sofrido danos, mas o comandante preferiu não correr nenhum risco", disse o porta-voz, que informou também que a aeronave será submetida a novas verificações.

O avião atingido pelo raio decolou por volta das 17h locais (12h de Brasília). Hollande viajou para Berlim poucas horas depois de tomar posse da presidência nesta manhã.

Mais conteúdo sobre:
Posse avião raio François Hollande

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.