Avião médico cai perto de Nova Délhi e deixa saldo de 10 mortos

Monomotor Pilatus PC-12 caiu devido ao mau tempo minutos antes de aterrissar na localidade de Faridabad

Efe,

26 de maio de 2011 | 03h34

NOVA DÉLHI - Pelo menos dez pessoas morreram e uma ficou ferida após a queda de um avião médico em uma área residencial nas cercanias de Nova Délhi, informaram fontes oficiais nesta quinta-feira, 26.

 

O acidente ocorreu na noite de quarta-feira, 25, devido ao mau tempo na localidade de Faridabad, uma cidade-dormitório da capital indiana, disseram à agência indiana Ians fontes da polícia e da aviação do país.

 

As vítimas fatais são os sete ocupantes - entre eles os dois pilotos - da aeronave, que transferia um paciente em estado crítico a um hospital de Nova Délhi, e três pessoas que estavam no local onde o avião caiu, indicou o comissário de Polícia P.K. Aggarwal.

 

O avião, um monomotor Pilatus PC-12, cobria a rota entre a cidade de Patna (norte) e Nova Délhi e caiu minutos antes da hora em que deveria aterrissar.

Cerca de 20 equipes de bombeiros se dirigiram ao lugar do acidente, onde foi gerado um incêndio.

 

Os serviços de resgate informaram a recuperação de todos os corpos, completamente carbonizados, na manhã desta quinta-feira.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.