Avião não tripulado dos EUA mata um líder da Al-Qaeda

Um avião não tripulado dos EUA matou um importante líder da Al-Qaeda em uma região tribal do Paquistão perto da fronteira com o Afeganistão, segundo autoridades da inteligência paquistanesa. O xeque Khalid bin Abdel Rehman al-Hussainan, que também era conhecido como Abu Zaid al-Kuwaiti, foi morto quando mísseis destruíram uma casa perto de Mir Ali na quinta-feira.

AE-AP, Agência Estado

09 de dezembro de 2012 | 12h49

No começo deste ano Al-Kuwaiti substituiu Abu Yahya al-Libi, o segundo no comando da Al-Qaeda, que havia morrido em junho durante um ataque dos EUA à região do Waziristão do Norte. No entanto, Al-Kuwaiti aparentemente era bem menos conhecido e não fazia parte da lista de terroristas mais procurados pelo Departamento de Estado dos EUA. As informações são da Associated Press.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.