Avião retorna ao aeroporto escoltado por caças na Holanda

Jatos F-16 holandeses escoltaram um avião da Northwest Airlines, que tinha a Índia como destino, de volta ao aeroporto Schiphol, em Amsterdã, de onde ele havia saído nesta quarta-feira. O retorno aconteceu após a tripulação relatar que alguns passageiros se comportavam de maneira suspeita. As autoridades detiveram vários passageiros para interrogatório, segundo um porta-voz. O piloto pediu permissão para retornar quando sobrevoava a Alemanha, logo após ter saído de Amsterdã, e pediu escolta militar, segundo a porta-voz do aeroporto, Pamela Kuypers. "Um grande número (de passageiros) se comportava,na opinião da tripulação, de forma suspeita", afirma declaração do Ministério da Defesa. O Escritório Nacional Holandês de Terrorismo foi informado, mas afirmou não haver motivo para elevar o nível de ameaça terrorista do país, disse a porta-voz do escritório, Judith Sluiter.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.