Avião retorna ao solo na Bélgica após colisão com ave

Um Boeing 737 da companhia aérea Ryanair foi forçado a voltar para o aeroporto South Charleroi, na Bélgica, após colidir com um pássaro grande. Autoridades do aeroporto disseram que um dos motores do avião engoliu um pássaro no momento da decolagem e os pilotos decidiram fazer um pouso de emergência como precaução. Não houve feridos e os passageiros, que seguiam para a cidade italiana de Bergamo, foram transferidos para um outro voo.

AE-AP, Agência Estado

24 de julho de 2010 | 16h33

Do aeroporto de Charleroi, a 42 quilômetros ao sul da capital Bruxelas, partem vários voos de companhias de baixo custo, como a Ryanair. O terminal tem crescido rapidamente desde 1997, quando fechou a parceria com a Ryanair, o que levou para o local outras companhias e cerca de 2 milhões de passageiros por ano.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.