Avião russo com ajuda humanitária chega aos EUA

Imagens transmitidas ao vivo pela conta da missão no Twitter mostraram a retirada de caixas do avião de carga, um Antonov-124 da força aérea russa, em Nova York

Redação, O Estado de S.Paulo

01 de abril de 2020 | 20h12

NOVA YORK - Um avião enviado pela Rússia carregado com ajuda humanitária chegou ao Aeroporto Internacional John F. Kennedy em Nova York nesta quarta-feira, 1º, informou a missão russa na ONU, em um momento em que a pandemia do novo coronavírus já deixou mais de 4,5 mil mortos nos Estados Unidos. 

Imagens transmitidas ao vivo pela conta da missão no Twitter mostraram a retirada de caixas do avião de carga, um Antonov-124 da força aérea russa. 

O Ministério da Defesa russo havia indicado que o carregamento consistia em "máscaras médicas e equipamentos médicos". 

De acordo com o porta-voz do Kremlin, Dimitri Peskov, os presidentes da Rússia, Vladimir Putin, e dos Estados Unidos, Donald Trump, falaram sobre essa ajuda durante uma conversa por telefone na segunda-feira. 

A Rússia enviou na semana passada aviões com virologistas, equipamentos médicos e de laboratório e sistemas de desinfecção móveis para a Itália, onde a covid-19 matou mais de 12,4 mil pessoas.

Os Estados Unidos, principal potência mundial, já têm mais de 205 mil casos do novo coronavírus, segundo uma contagem da Universidade Johns Hopkins. / AFP 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.