Aviões sírios atacam fábrica e causam 20 mortes

Aviões sírios bombardearam uma fábrica de produção de azeite nesta terça-feira, num ataque que deixou pelo menos 20 mortos e dezenas de feridos, segundo o Comitê de Coordenação Local. O grupo afirmou que o ataque aconteceu no oeste da cidade de Idlib.

AE, Agência Estado

27 de novembro de 2012 | 12h21

O ativista Fadi al-Yassin contou à Associated Press por telefone que muitos funcionários estavam reunidos na fábrica quando os aviões lançaram as bombas, causando um grande número de baixas. No entanto, não ficou claro o motivo do ataque ao local. "Foi um massacre feito pelo regime", disse al-Yassin.

O regime do presidente Bashar Assad tem realizado ofensivas intensas contra grupos de insurgentes na região. O conflito na Síria começou em março de 2011, com um levante popular contra o governo de Assad, mas rapidamente se transformou em uma guerra civil, que já deixou mais de 40 mil mortos, de acordo com ativistas.

As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
SÍRIAVIOLÊNCIA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.