Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Aznar mostra "simpatia" à pretensão do Brasil na ONU

O primeiro-ministro da Espanha, José María Aznar, manifestou, em declaração conjunta à imprensa no Palácio do Itamaraty, simpatia e apoio à idéia de o Brasil passar a integrar o Conselho de Segurança das Nações Unidas como membro permanente. "Conhecemos bem as aspirações do Brasil junto à ONU, compreendemos sua lógica e declaramos nossa simpatia viva a ela", afirmou Aznar. Ele fez tal declaração ao comentar sobre a necessidade de reformas, inclusive na ONU."Crê-se que no mundo de hoje as reformas são necessárias também nos organizações mundiais, como a ONU", afirmou. Ele acrescentou que já conversou sobre a necessidade de reformas com o secretário-geral da organização, Kofi Annan.Na avaliação do porta-voz do Itamaraty, Ricardo Neiva Tavares, a manifestação de Aznar é um "fato significativo" uma vez que é a primeira vez que o primeiro-ministro espanhol faz uma manifestação favorável à pretensão brasileira.

Agencia Estado,

29 de outubro de 2003 | 17h05

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.