'Baby Doc' falta a audiência em tribunal

O ex-ditador haitiano Jean-Claude Duvalier, o "Baby Doc", faltou a uma audiência em um tribunal de Porto Príncipe onde responde por crimes contra a humanidade. O homem que impôs o terror no Haiti nos anos 70 e 80 retornou em 2011 ao país, depois de décadas no exílio. Parentes de vítimas conseguiram que a Justiça acatasse uma acusação pelas violações cometidas por seu regime.

O Estado de S.Paulo

23 de fevereiro de 2013 | 02h02

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.