Banco BBVA é multado em 3 mi de euros por escândalo

O banco central da Espanha e o órgão local que regula o sistema financeiro impuseram uma multa de 3 milhões de euros ao Banco Bilbao Vizcaya Argentaria S/A (BBVA), o segundo maior do país, relacionada a um escândalo envolvendo fundos de pensão, segundo matéria publicada neste sábado no jornal espanhol Cinco Días.O escândalo, que veio à tona logo após a criação do banco, a partir da fusão do BBV com o Banco Argentaria, e levou à demissão de vários executivos seniores da instituição. O BBV tinha uma rede de contas que ficou fora de seus registros contábeis por 13 anos. No final de 2000, o banco divulgou 225 milhões de euros em ganhos extraordinários referentes a essas contas. Três ex-executivos do BBV, Emílio Ybarra, Pedro Luis Uriarte e Luis Bastida, também serão multados, afirmou o Cinco Dias, citando fontes não identificadas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.