Banco Central da Índia corta taxa de juros

O Banco Central da Índia cortou sua principal taxa de juros pela sexta vez em sete meses nesta terça-feira, e pressiona as instituições financeiras para que sigam tal orientação, com o objetivo de impulsionar o crescimento econômico, que tem sido mais afetado que o esperado pela crise global.

SUROJIT GU, REUTERS

21 de abril de 2009 | 10h32

Analistas afirmaram que o tamanho do corte, de 25 pontos base -- o menor desde que o BC indiano começou a cortar a taxa em outubro -- sinaliza que ele pode estar perto do fim em suas reduções, embora ainda exista algum caminho a seguir.

"Não vemos isso como o fim de um ciclo, mas o banco vai adotar cortes mais graduais e esperar para ver", afirmou o economista Deepali Bhargava, do ING Vysya Bank, em Mumbai.

Em um comunicado sobre sua política monetária, a instituição afirmou que o crescimento econômico deve sofrer pelo segundo ano seguido, após uma expansão da economia a uma velocidade de 9 por cento ou mais nos três anos fiscais anteriores.

O crescimento indiano deve desacelerar para 6 por cento em 2009/10, o menor em sete anos.

Tudo o que sabemos sobre:
INDIAJUROSCORTE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.