Bangladesh investiga possível contaminação de aves

Autoridades bengalesas ordenaram hoje uma investigação da morte de milhares de frangos no norte de Bangladesh, embora o governo insista que o país continua livre da influenza aviária. Na semana passada, a nação do sul da Ásia decidiu proibir as importações de frango e ovos da Índia, Paquistão, Tailândia, Vietnã, Camboja, Taiwan, Malásia, Japão e Coréia do Sul como medida preventiva contra a doença. O vírus já matou 10 pessoas e milhões de aves em toda a Ásia. "Até agora, estamos no lado seguro. Todas as medidas preventivas foram tomadas contra a doença", disse Iqbal Uddin Ahmed Chowdhury, alto oficial do Ministério de Pesca e Pecuária bengalês. Até agora, são 10 as nações que tiveram casos da doença: Tailândia, Vietnã, Camboja, Coréia do Sul, Japão, Taiwan, Indonésia, Paquistão, Laos e China.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.