Barco francês desobedece Grécia e segue para Gaza

ATENAS

, O Estado de S.Paulo

06 de julho de 2011 | 00h00

Desafiando a ordem do governo grego, um pequeno barco francês deixou a Grécia ontem e seguiu para a Faixa de Gaza, segundo informaram organizadores da flotilha internacional, depois que a embarcação atingiu águas internacionais. No entanto, não ficou claro se as pessoas a bordo - oito ativistas pró-palestinos e um jornalista, além dos três tripulantes - seguiriam diretamente para o destino final.

"Estamos avaliando qual será o próximo passo", disse Adam Shapiro, um dos organizadores. Como o barco é pequeno, talvez não tenha combustível suficiente para chegar até Gaza.

Na semana passada, a Grécia proibiu qualquer embarcação de deixar suas águas em direção a Gaza, alegando que não seria seguro para os passageiros. A guarda costeira escoltou de volta dois barcos que tentaram ignorar a proibição e as autoridades mantêm outras embarcações no porto por "irregularidades administrativas".

Na terça-feira a corte grega libertou o capitão americano John Klusmire, preso no sábado sob acusação de colocar em perigo a vida dos passageiros e desobedecer às ordens do governo. O objetivo da flotilha é protestar contra o bloqueio imposto por Israel à Faixa de Gaza desde 2006. / NYT

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.