Barco levando 60 etíopes afunda no Malavi

A polícia de Malavi, país do sudeste da África, afirmou nesta quinta-feira que um barco levando 60 imigrantes ilegais etíopes afundou no Lago Malavi. É improvável que alguém tenha sobrevivido.

AE, Agência Estado

21 de junho de 2012 | 12h18

O porta-voz da polícia, Norah Chimwala, disse que 47 corpos foram recuperados até agora. O acidente aconteceu na região de Karonga, localizada 600 quilômetros ao norte de Lilongwe, capital do país, na noite de segunda-feira. Moradores começaram a ver corpos flutuando na manhã de terça-feira.

Muitos imigrantes de países em dificuldade no norte da África tentam atravessar o Malavi para achegar até a África do Sul, país com a economia mais forte do continente. As informações são da Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
MALAVIACIDENTE

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.