Barcos a salvo após queda da Mir

A frota de 27 barcos de pesca que estavam no Oceano Pacífico na zona de impacto da queda dos fragmentos da estação orbital Mir não sofreram nenhum dano, segundo autoridades da segurança marítima da Nova Zelândia. Horas antes do impacto, o ministro das Relações Exteriores da Nova Zelândia, Phil Goff, havia declarado que a frota ainda permanecia dentro do limite das 200 milhas náuticas da área onde estava previsto a queda dos fragmentos. De acordo com um marinheiro neozelandês, fortes tempestades estavam impedindo que as embarcações abandonassem a área a tempo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.