Batalha chega aos subúrbios da capital da Libéria

Forças leais ao presidente Charles Taylor lutam para preservar a capital do país e o governo, contra tropas rebeldes que pressionam pelo norte, transformando os subúrbios de Monróvia numa zona de guerra. Milhares de pessoas aterrorizadas - moradores, bem como refugiados de áreas que caíram sob o poder dos rebeldes - fugiam em meio a chuvas torrenciais e à enchente para escapar do fogo de armas e artilharia.A luta intensifica-se ao mesmo tempo em que mediadores africanos dizem ter obtido uma promessa de representantes dos rebeldes, reunidos em Gana, de depor armas para que conversações de paz pudessem ter início. As negociações entre governo e guerrilha deveriam prosseguir na segunda-feira, em Gana.O principal movimento rebelde da Libéria fez um grande avanço rumo ao sul, em direção a Monróvia, nos últimos dias, para tomar a capital e derrubar Taylor - que foi indiciado recentemente por crimes de guerra, cometidos durante a guerra civil de Serra Leoa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.