BCE não pode oferecer alívio financeiro à Grécia

Frankfurt, 06/10/2012 - O Banco Central Europeu (BCE) não pode oferecer alívio financeiro à Grécia distorcendo os prazos e condições dos títulos soberanos do governo grego, informou o tabloide alemão Bild Zeitung, citando Joerg Asmussen, membro do conselho executivo do BCE.

Agência Estado

06 de outubro de 2012 | 10h46

"Não podemos bem estender os termos dos bônus gregos nem reduzir o juro", afirmou Asmussen à publicação. Ambas as medidas seriam uma forma de cancelamento da dívida e representam o financiamento direto do Estado grego. "Legalmente, o BCE não está autorizado a fazer isso", revelou Asmussen.

O primeiro-ministro da Grécia, Antonis Samaras, anteriormente pediu ao BCE que reduza o juro dos títulos soberanos gregos em seu portfólio ou estenda os prazos. Asmussen disse que preferiria que a Grécia continuasse na zona do euro, mas acrescentou que "a chave para isso reside em Atenas". As informações são da Dow Jones. (Gabriela Mello - Gabriela.mello@estadao.com)

Tudo o que sabemos sobre:
BCEGréciaalívio financeiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.