Bebê é salvo por motoristas em Miami

Motoristas presos em um engarrafamento em Miami ajudaram a socorrer um bebê de apenas cinco meses que havia parado de respirar.

AE, Agência Estado

21 de fevereiro de 2014 | 15h45

O sobrinho de Pamela Rauseo, Sebastián de la Cruz, passou mal e havia deixado de respirar quando ela saiu do carro com a criança nos braços pedindo ajuda dos motoristas aos gritos. O bebê nasceu prematuro e tem problemas respiratórios.

O jornal Miami Herald informou que Lucila Godoy, de 34 anos, foi a primeira pessoa a socorrer a criança. Ela começou a praticar respiração artificial no bebê com a ajuda da tia dele. Pouco depois, o policial Amauris Bastidas chegou e fez massagem cardíaca em Sebastián, enquanto Lucila fazia respiração boca-a-boca.

A criança voltou a respirar, mas parou novamente. Um veículo de resgate do Corpo de Bombeiros levou o bebê para o hospital, onde a criança se encontra em condição estável. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAbebêresgateMiami

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.