Facebook/Reprodução
Facebook/Reprodução

Bebê sobrevive a parto após mãe ser morta por flechada em Londres

Devi Unmathallegadoo levou uma flechada no abdômen na segunda-feira na própria casa, em Londres, e morreu no hospital local; policiais prenderam o suspeito do crime

O Estado de S.Paulo

14 de novembro de 2018 | 11h59

LONDRES - A polícia britânica afirma que médicos conseguiram realizar o parto de um bebê após a mãe morrer com um tiro de arco e flecha na própria casa, em Londres. A Polícia Metropolitana diz que Devi Unmathallegadoo, de 35 anos, foi ferida no abdômen durante um ataque na segunda-feira 12. Ela morreu no hospital local, onde os médicos fizeram a cirurgia para tirar o bebê com vida.

As forças policiais prenderam Ramanodge Umathallegadoo, de 50 anos, que era conhecido da vítima. Ele compareceu a um tribunal de Londres na terça-feira 13, acusado de homicídio. O marido da vítima, Imtiaz Muhammad, disse ao jornal Evening Standard que ela levou a flechada na frente de seus outros cinco filhos, de 1 a 17 anos de idade.

O marido afirmou ter encontrado o assassino com o arco no galpão da família. Ele disse: “Eu não posso parar de pensar que ela recebeu uma flecha direcionada a mim. Talvez tivesse que ter acertado em mim.” / AP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.