Bebedeira causa inundação na capital da Albânia

A bebedeira de um funcionário da represa que abastece a capital da Albânia, Tirana, provocou no sábado mais do que uma ressaca: a quase inundação de toda a cidade. Segundo o prefeito Lili Nushi, ao se embriagar, o funcionário ? cujo nome não foi revelado ? abriu por engano uma das comportas da represa conectada a um lago artificial. Como resultado, o nível da água subiu 50 cm, fazendo com que vários bairros fossem inundados e dezenas de famílias ficassem desabrigadas.Outros moradores preferiram passar a noite em casas de parentes e amigos. ?Felizmente ninguém morreu?, disse Nushi. De acordo com as primeiras avaliações, a abertura de apenas 25 cm da comporta não pôde ser controlada por causa da precariedade do sistema, que permitiu que vazassem pelo menos 3 metros cúbicos de água por segundo.A polícia deteve neste domingo, para apurar responsabilidades, dois engenheiros responsáveis pela construção do sistema da represa, um diretor da prefeitura de Tirana e um vigia do local.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.