Bento XVI faz homenagem a Paulo VI em sua terra natal

O Papa Bento XVI fez um dia de peregrinação ao norte da Itália para prestar homenagem a Paulo VI, responsável pela sua nomeação a cardeal. Milhares de pessoas usaram sombrinhas e capas para se protegerem do tempo ruim e da chuva gelada que caiu durante a missa realizada pelo papa na Praça de Paulo VI, do lado de fora da catedral de Brescia, localizada a 90 quilômetros de Milão.

AE-AP, Agencia Estado

08 Novembro 2009 | 15h37

Protegido da chuva, o papa reconheceu as realizações de Paulo VI como um papa reformista. Em 1977, um ano antes de sua morte, Paulo VI elevou a cardeal o bispo alemão Joseph Ratzinger, de 50 anos, na época relativamente jovem para se tornar um "príncipe da Igreja". Ratzinger adotou o nome de Bento XVI quando foi eleito pontífice em 2005.

Paulo VI foi eleito papa em 1963 depois da morte de João XXIII, que iniciou o Concílio Vaticano II. Uma iniciativa para modernizar as políticas e práticas da Igreja Católica. Paulo conseguiu terminar o Concílio, assistido por Bento como novo teólogo.

Em sua homilia, Bento citou um discurso de Paulo VI realizado em 1968, no qual o pontífice surpreendeu as expectativas dos católicos ao dizer que o papa precisa dirigir a Igreja com "intervenções impressionantes, enérgicas e decisivas". "O papa também precisa da ajuda da oração", disse citando Paulo VI. As informações são da Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
Papa Bento XVI visita

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.