Bento XVI pede ajuda às vítimas de padre pedófilos

O papa Bento XVI pediu neste sábado que os princípios de justiça sejam respeitados e que as vítimas de padres pedófilos sejam ajudadas. A afirmação foi feita durante o encontro com um grupo de bispos da Irlanda que chegou ao Vaticano em visita "ad limina" (que prelados de cada país fazem a ele cada cinco anos).Bento XVI afirmou que os casos de abusos "são ainda mais trágicos quando o culpado é um homem da Igreja" e pediu que "os princípios de justiça sejam totalmente respeitados e, acima de tudo, que se dê apoio às vítimas e a todos os que foram afetados por estes grandes crimes".Na mensagem aos bispos irlandeses, o Pontífice recomendou que, quando ocorrerem casos de religiosos "manchados pelo desgarrador ato de abusos sexuais de menores", todos se esforcem para "chegar à verdade do que ocorreu", a fim de que sejam adotadas as medidas necessárias para evitar que "isto se repita".Para o Bento XVI, o bom trabalho e a dedicação desinteressada da grande maioria dos sacerdotes e religiosos na Irlanda "não deveria ser ofuscada pelas transgressões de alguns de seus irmãos".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.