Berlusconi afirma que apoiará candidato de esquerda para um 'governo de unidade'

O ex-premiê e líder da direita da Itália Silvio Berlusconi (foto) disse ontem que apoiará um candidato da esquerda para a presidência do país, sob a condição de que seus rivais aceitem formar um "governo de unidade", em coalizão com os conservadores. "Estamos dispostos a debater o assunto", disse Il Cavalieri ao La Repubblica. Se o impasse sobre a formação de governo continuar sem solução, uma eleição que escolherá um novo presidente deve ocorrer a partir do dia 18 na Itália, segundo as normas do parlamentarismo italiano. Ontem foi a primeira vez que Berlusconi aceitou publicamente apoiar um candidato de esquerda à presidência. O ex-premiê vinha exigindo alguém próximo à direita.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.