Berlusconi dá entrevista polêmica antes de eleição

O ex-primeiro-ministro da Itália e candidato nas eleições parlamentares que começam neste domingo, Silvio Berlusconi, disse que os "senhores da austeridade" na Europa tem tentado se livrar dele. "Eu contradisse os senhores da austeridade, que agora estão tentando se livrar de mim".

ÁLVARO CAMPOS (ALVARO.CAMPOS@ESTADAO.COM), Agência Estado

23 de fevereiro de 2013 | 20h01

As declarações de Berlusconi foram noticiadas pela agência de notícias ANSA e teriam sido dadas neste sábado em Milão, durante uma entrevista para uma emissora de televisão da Grécia. Se confirmada, essa entrevista pode gerar problemas para o ex-premiê, já que a legislação italiana proíbe declarações dos candidatos na véspera da votação.

O candidato de esquerda Antonio Ingroia pediu uma punição contra Berlusconi, mas assessores dos ex-premiê alegaram que a entrevista foi dada com uma exigência explícita de que fosse veiculada somente na segunda-feira, após o fechamento das cabines de votação.

Na entrevista, Berlusconi diz que o atual primeiro-ministro tecnocrata Mario Monti é "subserviente e sempre se ajoelha perante a senhora Merkel (Angela Merkel, chanceler da Alemanha) e agora ela não quer perdê-lo". "A mesma coisa aconteceria com Bersani (Pier Luigi Bersani, candidato de centro esquerda que lidera as pesquisas de opinião). Mas eu daria trabalho a ela", acrescentou.

Na opinião de Berlusconi, a austeridade aumenta a dívida pública e "leva a uma espiral recessionária que eleva o desemprego e pode resultar na perda do equilíbrio social". O ex-premiê, que é réu em dois processos, por fraude tributária e por ter tido relações sexuais com uma prostituta menor de idade, disse ainda que os promotores "são uma máfia pior que a máfia siciliana". As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
eleiçõesItáliaSilvio Berlusconi

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.