Berlusconi discute ao vivo com apresentador de TV

ROMA

, O Estado de S.Paulo

26 de janeiro de 2011 | 00h00

O premiê da Itália, Silvio Berlusconi, acusado de prostituição de menores e abuso de poder, perdeu o controle e insultou o apresentador de um especial da televisão sobre o caso. "Infame", "repugnante" e "desprezível" foram os insultos que Berlusconi proferiu por telefone ao jornalista Gad Lerner, acusando-o de "deformar a realidade".

O chefe de governo interveio no programa sem ser convidado para defender uma das envolvidas no escândalo, a dentista e assessora de seu partido Nicole Minetti, também acusada de indução à prostituição e de recrutar jovens que participavam das festas particulares na casa do premiê.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.