Tony Gentile/Reuters
Tony Gentile/Reuters

Berlusconi diz que não disputará as próximas eleições

'Se for preciso que eu saia de cena para formar uma frente unida contra esquerda, eu vou fazê-lo'

AE, Agência Estado

09 de outubro de 2012 | 09h14

MILÃO - O ex-primeiro-ministro da Itália Sílvio Berlusconi afirmou nesta terça-feira, 9, que não vai candidatar-se nas próximas eleições gerais. Em um programa de televisão, Berlusconi disse: "Eu pretendo fazer o que é certo para o meu país e se for preciso que eu saia de cena para que se forme uma frente unida contra a esquerda, eu vou fazê-lo."

Veja também:

linkBerlusconi pode desistir de candidatura em 2013linkPremiê italiano diz que 'serviria' novamente se for solicitado

forum CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK

Ele indicou que poderia apoiar o atual premiê, Mario Monti, para a liderança de um novo governo de coalizão moderado. Monti, um economista sem carreira política, foi levado ao cargo para evitar que a Itália siga o caminho do desastre financeiro.

Segundo Berlusconi, não há chance que ele mude de ideia e concorra nas eleições de abril. O ex-primeiro-ministro reiterou o apelo para que todos os moderados juntem-se contra a esquerda.

As informações são da Dow Jones e Associated Press.

 

Tudo o que sabemos sobre:
ItáliaBerlusconieleições

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.