Berlusconi já apresenta programa de governo

O líder de centro-direita italiano Silvio Berlusconi mostrou-se hoje confiante em obter uma vitória nas eleições do próximo domingo e chegou a anunciar as medidas que adotará nos primeiros 100 dias de governo, entre elas uma redução fiscal. "Estou absolutamente seguro de que venceremos; o importante é a essência da vitória, já que deveremos vencer por uma vasta margem, tanto na Câmara dos Deputados como no Senado", disse.Berlusconi também lançou um chamado contra a abstenção e aos eleitores indecisos: "Não votar significa tomar uma decisão: é deixar que tudo continue como nestes cinco anos".O líder de centro-direita já tem uma lista com as 12 primeiras medidas que adotará em seus primeiros 100 dias. "Já temos os projetos que aprovaremos no conselho de ministros e depois passaremos ao parlamento para sua aprovação", anunciou.Entre as medidas, destacam-se "a abolição das taxas sobre o imposto de herança e doações" e a introdução da "polícia do bairro". Além disso, o magnata da mídia prevê realizar uma verdadeira "revolução fiscal". "Se não cumprir minhas promessas, voltarei a ser um cidadão privado e nunca mais me apresentarei como candidato em eleições", prometeu.No entanto, ele deu um passo atrás em sua "promessa" de anunciar, alguns dias antes do pleito, a decisão que adotaria sobre seu império da mídia, o Mediaset, com o fim de evitar o conflito de interesses que pesa sobre ele.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.