Jim Watson/AFP
Jim Watson/AFP

Biden diz que Trump é 'irresponsável'

Presidente eleito condenou alegações de fraude e classificou estratégia de questionar resultado como 'ultrajante'

Redação, O Estado de S.Paulo

20 de novembro de 2020 | 05h00

O presidente eleito dos EUA, Joe Biden, chamou na quinta-feira, 19, o presidente americano, Donald Trump, de “irresponsável” por rejeitar os resultados da eleição do dia 3. Em entrevista coletiva em Delaware, o democrata afirmou que a estratégia de questionar sua vitória de “ultrajante”. 

“Acho que (os americanos) estão testemunhando uma irresponsabilidade incrível, mensagens prejudiciais sendo enviadas ao restante do mundo sobre como a democracia funciona”, disse. “Ele é totalmente irresponsável.”

Trump também vem dificultando o trabalho da equipe de Biden, que assumirá o poder no dia 20 de janeiro. A Administração de Serviços Gerais (BSA, na sigla em inglês), órgão responsável por liberar a verba para a transição, ainda não reconheceu a vitória democrata, o que impede o acesso de sua equipe ao dinheiro.

O combate à pandemia de coronavírus também vem sendo afetado. O Departamento de Saúde vem ignorando pedidos dos integrantes da transição para que informações sobre a covid sejam compartilhadas. Segundo a imprensa americana, foi emitida uma ordem interna para que os funcionários informem seus superiores caso recebam pedidos dos democratas. 

Enquanto isso, muitos aliados de Trump seguem adotando o discurso de que houve fraude generalizada na eleição presidencial, especialmente os senadores republicanos. Mas, se publicamente ninguém contraria o presidente, em privado, muitos já telefonaram para Biden ou pediram que colegas democratas no Senado enviassem ao presidente eleito os cumprimentos pela vitória na eleição. / NYT 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.