Bin Laden já fez seu testamento "espiritual"

Osama bin Laden já fez um testamento "espiritual", no qual pede que sejam atacados interesses dos Estados Unidos em todo o mundo, escreveu hoje o jornal Khaleej Times, de Dubai. Segundo o diário, citando "fontes diplomáticas americanas e européias", o milionário saudita deixou seu último desejo gravado em vídeo, para ser divulgado logo após sua morte.O diário acrescentou que Bin Laden deu instruções a seus guarda-costas e a seus filhos para que o matem, no caso de se ver cercado por forças americanas ou da Aliança do Norte. Bin Laden "sustenta que é melhor morrer nas mãos de seus homens e seus filhos do que ser capturado por seus inimigos", afirmou uma fonte ao diário.Leia o especial

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.