Bin Laden pede que iraquianos boicotem eleição

Em uma gravação de áudio enviada à TV Al-Jazira, um homem que se identifica como Osama bin Laden pede que os iraquianos boicotem a eleição marcada para 30 de janeiro e reconhece o terrorista jordaniano Abu Musab al-Zarqawi como seu agente no Iraque. Noticiário da Al-Jazira cita trechos do áudio, mas a emissora ainda não transmitiu a gravação.Este é o segundo áudio atribuído a Bin Laden a ser divulgado neste mês. Em 16 de dezembro, outra gravação, publicada num website islâmico, elogiava o ataque ao consulado dos Estados Unidos na Arábia Saudita, e pedia que os militantes interrompessem o fluxo de petróleo para o Ocidente.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.