Bin Laden pode estar em cidade, não em caverna, diz paquistanês

Osama bin Laden teria mais facilidadepara esconder-se em uma grande cidade do que em uma remotaregião tribal, afirmou na terça-feira um ex-chefe dos serviçosde inteligência do Paquistão, contestando a crença de que olíder da Al Qaeda continua escondido em uma caverna. O tenente-general Asad Durrani, ex-chefe da poderosaagência Inter-Serviços de Inteligência (ISI), disse que anotícia sobre a presença de um forasteiro viaja com rapidez nasáreas tribais e dificilmente continuaria sendo um segredo aolongo de muitos anos. "Em uma zona rural ou em áreas tribais, é difícilesconder-se porque as pessoas moram e agem de uma forma tal quedetectar uma presença inusual é algo muito importante", disseDurrani à Reuters, em uma entrevista concedida em Londres. Segundo o ex-chefe dos serviços de inteligência, oscostumes tribais dão realmente bastante valor à hospitalidade eà necessidade de não trair um convidado. "No código tribal,qualquer um que busque proteção precisa ser defendido, senecessário com a própria vida." No entanto, Durrani acrescentou: "Não tenho certeza de queseria possível, mesmo para o membro de uma tribo, manter emsegredo sua presença durante um período de quatro, cinco ouseis anos." Uma informação do tipo teria circulado ou teria sidodivulgada, em virtude também dos incentivos, afirmou o militar,referindo-se ao prêmio de 25 milhões de dólares oferecido pelosEUA em troca da captura ou da morte de Bin Laden. "Minha conclusão, portanto, é de que há poucas chances deele estar naquela região." Desde os ataques de 11 de setembro de 2001 contra os EUA eda subsequente invasão norte-americana do Afeganistão, serviçosde inteligência do Ocidente afirmaram várias vezes acreditarque Bin Laden está escondido em algum lugar da fronteira entreo Paquistão e o Afeganistão, uma área montanhosa e de difícilacesso. Para Durrani, um grande centro urbano ofereceria um refúgiomelhor. "Por que não uma cidade grande? Poderia ser em qualquerlugar do Afeganistão ou do Paquistão. Ou em qualquer lugar forada região." Outros membros importantes da Al Qaeda foram capturados emcidades paquistanesas -- o suposto co-organizador dos ataquesde 11 de Setembro Ramzi Binalshibh, em Karachi, e o confessoidealizador do plano, Khalid Sheikh Mohammed, em Rawalpindi.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.