Bispo Tutu pede a CNA que não escolha Zuma

O arcebispo sul-africano Desmond Tutu fez ontem um apelo para que o governista Congresso Nacional Africano (CNA) não escolha Jacob Zuma como novo presidente do partido. Ele disse que a maioria dos sul-africanos se envergonharia de ter Zuma como líder. O político afirmou que os líderes da igreja deveriam rezar pelas pessoas e não condená-las. A partir de hoje, os delegados do CNA se reúnem em uma convenção em Polokwane, na Província de Limpopo, para escolher o novo líder do partido. Zuma concorre com o atual presidente, Thabo Mbeki. Como o CNA é o partido mais popular do país, caso eleito, Zuma estaria virtualmente eleito presidente.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.