Blair apóia a construção de novas usinas nucleares no país

O jornal britânico The Guardian afirma na reportagem que ilustra a sua capa que o primeiro-ministro da Grã-Bretanha, Tony Blair causou "uma tempestade política" em seu próprio gabinete político ao apoiar a construção de novas usinas nucleares no país.O diário traz ainda uma entrevista com o ex-ministro britânico do Meio Ambiente, Elliott Morley, que critica os planos de investir em usina nuclear e argumenta que o país deveria investir em preservação e renovação energética.O Guardian afirma que, além das fortes críticas que já vem enfrentando por parte de organizações ambientais, Blair também terá de responder às dúvidas de uma agência do próprio governo.O jornal se refere às questões que a Comissão de Desenvolvimento Sustentável deve levantar junto ao governo sobre o custo de implantação e a segurança necessária para pôr em funcionamento as novas usinas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.