Blair diz que iraquianos terão soberania plena já em 2004

Falando ao Parlamento britânico, o primeiro-ministro Tony Blair disse que o governo interino iraquiano, cuja posse está prevista para 30 de junho, será totalmente soberano. Blair deu a entender que os novos dirigentes terão autoridade sobre as prisões e a renda do petróleo. "Eles deverão ter soberania plena depois de 30 de junho, e isso lhes dará os direitos que qualquer governo soberano tem", disse Blair em resposta a uma pergunta do líder liberal-democrata, Charles Kennedy. O presidente dos EUA, George W. Bush, reafirmou seu compromisso com a entrega de poder em junho e antecipou que a formação do governo iraquiano está prevista para daqui a duas semanas. "Serão tomadas decisões sobre quem será o presidente e os vice-presidentes, o primeiro-ministro e outros ministros", afirmou a jornalistas. Hoje, Bush iria discutir a transferência de poder com o primeiro-ministro da Itália, Silvio Berlusconi, com quem se reuniria à noite na Casa Branca.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.