Blair fala com Bush e Putin sobre crise no Oriente Médio

O primeiro-ministro britânico, Tony Blair, falou neste domingo por telefone com os presidentes dos EUA e da Rússia, George W. Bush e Vladimir Putin, respectivamente, sobre os esforços para conseguir um fim das hostilidades no Oriente Médio, informou uma porta-voz da residência oficial de Downing Street.As ligações para Bush e Putin foram "longas, concentradas nos esforços para conseguir o máximo de apoio à resolução do Conselho de Segurança da ONU", acrescentou a fonte. "Nosso principal ponto é a necessidade de que esta resolução seja elaborada o mais rápido possível", ressaltou a porta-voz. Ela informou que o chefe de governo espera falar ainda neste domingo com o presidente francês, Jacques Chirac.Blair, que adiou suas férias, entrou em contato também com organizações como Christian Aid e Oxfam para falar da situação humanitária na região.Segundo a Downing Street, o primeiro-ministro não tem planos para sair de férias, que foram adiadas na sexta-feira passada para que Blair pudesse trabalhar em uma resolução da ONU que permita o fim dos confrontos entre israelenses e a milícia xiita libanesa Hezbollah.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.