Blair fala em informações confusas sobre Basra

O primeiro-ministro do Reino Unido, TonyBlair, afirmou que acredita que ocorreram "levantes limitados"contra o governo iraquiano, ontem à noite, em Basra. "Para falar a verdade, as informações sobre o que ocorreuontem em Basra são confusas, mas acreditamos que existiramformas limitadas de levantes", declarou Blair, empronunciamento na Câmara dos Comuns. "O que está claro é que, na medida em que as pessoas fiquemsabendo que o poder de Saddam está ficando mais fraco, não hádúvidas de que vão optar pela liberdade, não pela repressão",disse Blair. A emissora de TV Al-Jazira informou que Basra estava tranqüilae sem sinais de manifestação, apesar das notícias que circularamna mídia britânica de que ocorreram levantes contra o governo deSaddam Hussein. As declarações de Blair foram feitas pouco antes de ele partirpara Washington, onde se reunirá com o presidente dos EstadosUnidos, George W. Bush. Veja o especial :

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.